Rafaela Camaraense reúne comitê para planejar Mês da Juventude 2021

Rafaela Camaraense - Foto: Redes Sociais

A Secretária Executiva de Juventude, Rafaela Camaraense, se reuniu com o Comitê Intersetorial de Políticas Públicas para Juventude (Coijuv) – formado por diversas secretarias e órgãos da gestão estadual –, vinculado à Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), com o objetivo de planejar o Mês Estadual da Juventude, que ocorrerá em agosto. Esta será a 6a edição, na qual durante 30 dias o Governo do Estado realiza inúmeras ações que contemplam a juventude na Paraíba.

A reunião teve como encaminhamento principal a elaboração de atividades voltadas para atender aos jovens na faixa etária de15 a 29 anos, em todo o âmbito do Estado, na programação do evento. Além disso, a secretária executiva de Juventude, Rafaela Camaraense, ressaltou a importância do Mês da Juventude, do Coijuv e do momento atual em que a juventude está inserida.

“O Coijuv, ao qual eu faço questão de agradecer, é a marca do compromisso do Governo do Estado com a política de Juventude, pois há uma união entre as secretarias e órgãos através desse importante comitê, que tem auxiliado na elaboração de diversas políticas que hoje atendem grande parte dos jovens no estado. E agora não será diferente, pois já está sendo preparado, para que, a partir de 1º de agosto, mais um Mês da Juventude repleto de ações e diversas novidades, que serão lançadas pela gestão, para assim, contemplar o segmento, apesar do momento pandêmico”, disse Rafaela Camaraense.

A secretária executiva de Juventude adiantou que está programando para os próximos dias uma reunião com os gestores municipais, através do Fórum de Gestores de Juventude (Forjuve), no sentido de incluí-los na programação do Mês Estadual da Juventude, para levar as ações para as diversas regiões da Paraíba.

Nos encontros de planejamento, participaram as Secretarias de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia (SEECT), da Mulher e Diversidade Humana (Semdh), da Infraestrutura, Recursos Hídricos e Meio Ambiente (Seirhma), da Cultura (Secult), além da Fundação de Desenvolvimento da Criança e do Adolescente “Alice de Almeida” (Fundac) e ainda representantes da Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema).

Secom PB