Em Picuí, Agentes da Vigilância Ambiental fazem desinfecção de locais públicos

A Prefeitura de Picuí, por meio da Secretaria de Saúde e Agentes de Combate as Endemias, realizam todas terças e quintas-feiras a desinfecção de locais públicos com objetivo de diminuir a infecção voluntária do novo coronavírus.

De acordo com o coordenador do CVAMS, Roberto Jalles, a desinfecção ocorre principalmente nas unidades básicas de saúde, sede da Secretaria de Saúde, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), Centro de Atendimento Psicossocial (CAPS) e Centro Municipal de Testagem contra COVID-19 (CMUT).

“Estaremos muito brevemente estendendo essa atividade para os demais setores, que sejam setores do comércio onde faz desempenho de atividades essenciais”, destacou Roberto. Ainda de acordo com ele, já foi iniciado também o trabalho na área externa das agências bancárias.

NOVO EQUIPAMENTO

Roberto Jalles também informou a reportagem do Jornal Municipal da aquisição de um novo equipamento (bomba) realizado pela Prefeitura de Picuí. Antes, o trabalho de desinfecção era realizado por meio de uma bomba costal manual e dificultava muito o trabalho e não sobrava tempo para expandir o trabalho para mais espaços.

Hoje, após aquisição do mesmo tipo de equipamento, porém motorizado, o trabalho dos agentes da vigilância ambiental ficou mais rápido e melhor. “Com esse equipamento novo, motorizado, o trabalho e muito rápido dos agentes, uma vez que fazemos essas atividades sempre na parte externa dos ambientes e nas recepções”, finalizou.

Por Janderye Macedo