Cantor e compositor João Gonçalves morre aos 85 anos em Campina Grande

João Gonçalves, em 2016 — Foto: Acervo TV Paraíba

O cantor e compositor paraibano João Gonçalves morreu nesta segunda-feira (21), aos 85 anos, em Campina Grande, cidade onde nasceu e morava. De acordo com a família do artista, ele sofreu um infarto enquanto dormia.

João Gonçalves nasceu em 29 de maio de 1936 e era conhecido por escrever músicas de duplo sentido. Em parceria com Genival Lacerda, que morreu em janeiro deste ano vítima de Covid-19, compôs sucessos como “Severina Xique-Xique”, “Galeguinho dos Zoi Azu”, “Mate o Veio”, “Burrico da Gabriela”, “Pescaria em Boqueirão”, entre outras.

Além de Genival, João também teve músicas cantadas por Elba Ramalho, Dominguinhos e outros artistas.

De acordo com a família do músico, o velório acontece nesta segunda-feira em uma funerária no Centro de Campina Grande e o sepultamento está previsto para acontecer na terça-feira (22).

O prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima (PSD), lamentou a morte de João Gonçalves e decretou luto de três dias na cidade.

“Campina Grande perde mais um nome de peso da cultura regional, que se transforma em mais um astro em nosso espaço sideral de saudades”, disse.

Por G1PB