Campina Grande proíbe caminhada no Açude Velho e fecha igrejas, shoppings e academias aos fins de semana

Prefeitura Municipal de Campina Grande (Foto: Assessoria)

A prefeitura de Campina Grande publicou um novo decreto com medidas restritivas de enfrentamento à Covid-19. A partir desta sexta-feira (4) até o dia 18 de junho, o comércio deve funcionar em horário diferenciado, e o uso de espaços públicos para atividades físicas, bem como a realização de missas e cultos, está proibida aos fins de semana.

Seguindo o decreto estadual, a prefeitura de Campina Grande vai permitir apenas atividades essenciais nos dois primeiros fins de semana de junho. Assim, nos dias 5, 6, 12 e 13 , só poderão funcionar estabelecimentos como creches, hotéis, indústrias, clínicas médicas e veterinárias, supermercados, farmácias e atividades de manutenção.

Shoppings

As lojas de comércio e serviços, bem como estabelecimentos do setor de alimentação, que ficam em shoppings, podem funcionar das 10h às 22h durante a semana, e ficam fechados nos dias 5, 6, 12 e 13 de junho.

Praças de alimentação, restaurantes, bares, lanchonetes, lojas de conveniência e similares, em shoppings, estão proibidos de comercializar bebida alcoólica após às 16h, e nos dias 5, 6, 12 e 13 de junho, os locais só podem funcionar por delivery.

Comércio

Até 18 de junho, lojas de serviço e comércio podem funcionar das 8h às 17h, com exceção dos estabelecimentos localizados em alguns pontos de maior circulação, para evitar aglomeração de pessoas nos transportes públicos.

Portanto, as lojas das Ruas Maciel Pinheiro, Venâncio Neiva, Marquês do Herval, Semeão Leal, Cardoso Vieira, Monsenhor Sales, Cavalcante Belo, Barão do Abiaí, Peregrino de Carvalho e Afonso Campos, podem funcionar das 09h às 18h. As demais podem funcionar das 8h às17h.

Igrejas

As igrejas podem funcionar com 30% da capacidade máxima de pessoas, respeitando o distanciamento de 1,5 metros, durante a semana. Mas, assim como estabeleceu o decreto estadual, a realização de cultos e missas nos dias 5, 6, 12 e 13 de junho está proibida.

Por G1 PB