Paraíba

Hospital de Trauma de Campina Grande passa a atender casos graves de crianças com síndromes gripais

O número de leitos pediátricos de retaguarda para atender casos de Síndrome Gripal Aguda Grave (SRAG) no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, Agreste da Paraíba, será ampliado. Segundo a Secretaria de Saúde da Paraíba (SES-PB), serão implementados dez leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátricos na unidade hospitalar, de forma temporária.

Em 4 de maio, a Saúde da Paraíba anunciou a ampliação e implementação de 26 novos leitos de UTI distribuídos em unidades da Rede Estadual em João Pessoa, Campina Grande e Patos, e 77 novos leitos de enfermaria em outros serviços hospitalares. Com a ampliação, o estado passa a contar com 385 leitos pediátricos entre enfermaria e UTI, distribuídos nas três Macrorregiões de saúde. Em Campina Grande, os dez leitos extras implantados no Trauma da cidade serão destinados a crianças de 2 até 14 anos.

De acordo com o secretário de Saúde da Paraíba, Jhonny Bezerra, o aumento no número de leitos faz parte de um plano de ação montado para enfrentar o aumento no número de casos de síndromes gripais infantis, devido ao período de sazonalidade da síndrome, que deve perdurar até junho.

O Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande permanecerá com o fluxo de atendimento normal para o público adulto. Já a ocupação dos leitos pediátricos será realizada por meio do Complexo Regulador Estadual (CRE).

Por g1 PB

Botão Voltar ao topo