Header Ads

Prazo de inscrições para 3,5 mil vagas em cursos técnicos do IFPB termina nesta sexta-feira

Vagas também são disponibilizadas para o campus do IFPB em Sousa — Foto: IFPB/Divulgação
prazo das inscrições para o processo seletivo de cursos técnicos do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) termina nesta sexta-feira (9). Ao todo, estão sendo ofertadas 3.565 vagas em 20 campi do instituto, distribuídos entre 18 municípios, para o período letivo 2019.1.
As oportunidades estão divididas em duas modalidades: ensino médio integrado ao técnico, voltada para quem apenas concluiu o nível fundamental, e ensino técnico subsequente, para aqueles que já terminaram o nível médio.

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas por meio do preenchimento de um formulário eletrônico, anexando o histórico escolar ou documento equivalente.

Cursos técnicos oferecidos no IFPB

  • Meio Ambiente;
  • Recursos Pesqueiros;
  • Multimídia;
  • Edificações;
  • Serviços Jurídicos;
  • Eletromecânica;
  • Informática;
  • Sistemas de Energia Renovável;
  • Contabilidade;
  • Automação Industrial;
  • Controle Ambiental;
  • Eletrônica, Eletrotécnica;
  • Instrumento Musical;
  • Mecânica;
  • Manutenção e Suporte em Informática;
  • Segurança do Trabalho, Geologia;
  • Agroindústria, Agropecuária;
  • Serviços de Restaurante e Bar;
  • Transações Imobiliárias;
  • Guia de Turismo, Transporte Aquaviário;
  • Mineração;
  • Equipamentos Biomédicos;
  • Secretariado;
  • Cuidados de Idosos;
  • Petróleo e Gás;
  • Química.

Seleção

Para os cursos técnicos integrados ao ensino médio, a seleção será feita com base na análise do desempenho escolar em língua portuguesa ou português, matemática, história e geografia ou disciplinas equivalentes. As notas devem ser do 8º ano do ensino fundamental II ou equivalente.
Já no caso dos cursos técnicos subsequentes, a seleção vai ocorrer por meio da análise do desempenho em língua portuguesa e matemática, cursadas no 1º e 2º ano do ensino médio ou equivalente.
Além das notas do histórico escolar nessas disciplinas, a análise poderá ser realizada com base no desempenho no Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) ou do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Entretanto, só serão válidas as edições dos Exames Nacionais após 2009.

Segundo o IFPB, nesses processos seletivos metade das vagas é reservada para quem estudou o Ensino Fundamental na rede pública. Há ainda cotas para aqueles que têm renda familiar per capita mensal de até 1,5 salário mínimo, para pessoas negras, pardas e indígenas e pessoas com deficiência. No município de Sousa, há cotas para assentados da reforma agrária.

G1 PB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.