Header Ads

Pichações causam prejuízos e tiram sossego de moradores em Nova Floresta-PB


As pichações em Nova Floresta-PB, estão ficando cada vez mais comuns, principalmente em comércios próximo ao Centro. Os pichadores acabam com prédios comerciais, muros, postes e deixam esses locais com uma imagem ruim para a cidade.


O primeiro caso ocorreu na semana passada, onde uma mulher teve o carro pichado. Na ocasião, os vândalos ainda sujaram as paredes de várias residências.
Na mesma noite, o colégio estadual José Rolderick de Oliveira, também foi alvo dos meliantes. Eles chegaram a pular o muro e pichar a parte interna do local.
Um comerciante vitima dos pichadores na noite deste sábado (12), disse que os vândalos estragaram a pintura do seu estabelecimento comercial, renovada há pouco mais de um mês.
O ato de pichação é crime. A pena prevista é de três meses até um ano de detenção, além de multa. “O ato de pichação está previsto na lei dos crimes ambientais e é uma conduta criminosa e passível de pena de detenção”, afirma o soldado Henrique.
As ações criminosas acontecem no período da noite e também durante a madrugada, onde não há muitas pessoas transitando nas ruas. A policia já recebeu a informação de que três menores estariam praticando o crime e estão investigando o caso. 
A Polícia Militar alerta que é importante que os moradores de Nova Floresta auxiliem os policiais com a denúncia desses vândalos. “Estamos colhendo informações a fim de identificar os autores desses delitos, no entanto estão acontecendo na madrugada, estamos intensificando as rondas, para coibir tais práticas, e aconselhamos quem for lesado a fazer o boletim de ocorrência na delegacia”, concluiu a PM.
Com NoticiandoPB


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.