Header Ads

Ricardo Coutinho vai a audiência com Michel Temer sem a presença da bancada paraibana

Nesta terça-feira (15), o governador Ricardo Coutinho (PSB) já se encontra em pleno voo para Brasília na companhia dos secretários João Azevedo e Luis Torres. O destino vai ser o gabinete principal do Palácio do Planalto, ocupado pelo presidente Michel Temer (PMDB). A audiência é a primeira de RC com o novo modelo de governo, depois do impeachment de Dilma Rousseff, ex-aliada do chefe do Executivo da Paraíba.

“Não vou em busca de bater uma foto como o presidente da República, criar um factoide, mas, sim, procurar resolver coisas pendentes, reivindicações que foram, inclusive, atrapalhadas por alguns integrantes dessa bancada…”

“… Eu seria hipócrita se dissesse que está tudo bem e que na prática funciona a famosa unidade da bancada paraibana na Câmara e no Senado. Não é bem assim essa realidade”, disse.

A reprodução das declarações do governador está inserida em matéria veiculada no portal “Osguedes”, em texto do jornalista Nonato Guedes. Ricardo concedeu entrevista ontem ao programa RPN-João Pessoa, comandado por Antônio Malvino. Já adiantou que não quer a bancada da Paraíba na audiência.

Os temas: RC já está com a agenda pronta para a audiência com Temer. Ele chegou a suspeitar de conspiração por causa da demora, mas vai discutir a situação financeira da Paraíba, retenção de recursos já alocados no Orçamento Geral da União e rebaixamento da posição da Paraíba no ranking da Secretaria do Tesouro Nacional.

Como se sabe, o governador paraibano apoiou a permanência de Dilma na Presidência da República na época do impeachment, tendo considerado a falta de legitimidade do governo de Michel Temer. Diz-se que foi o senador Raimundo Lira (PMDB) que intermediou o encontro.

Da bancada paraibana, entre senadores e deputados federais, Raimundo Lira deverá ser o único a participação da audiência desta quarta-feira (16).

Marconi Ferreira 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.